6º Encontro Nacional de Qualidade de Vida na Segurança Pública

O profissional de segurança pública como sujeito de direitos na sua experiência cotidiana

3 de junho (terça-feira)

13h30 Simpósio: Vivências e consequências profissionais nos servidores da segurança pública na aplicação da Lei Maria da Penha
Trabalho na Patrulha Maria da Penha na Brigada Militar
Ten. Cel. QOEM Nádia Rodrigues Silveira Gerhard (RS) – coordenadora estadual da Patrulha Maria da Penha, especialista em psicologia escolar e em administração policial militar. É comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar em Porto Alegre.
Gerenciando a emoção: acolhendo histórias de violência contra a mulher
Del. Anita Maria Klein da Silva (RS) – especialista em ciências penais e docência universitária, mestre em docência universitária (Universidade Tecnológica Nacional de Buenos Aires). É titular da Delegacia de Polícia especializada no atendimento à mulher de Porto Alegre e a coordenadoria das DEAMs do RS.
Experiências vivenciadas a partir da criação da Sala Lilás
Andréa Brochier Machado (RS) – corregedora-geral do IGP, coordenadora estadual do Projeto Sala Lilás. É bacharel em direito, pós-graduada em gestão da segurança na sociedade democrática e perita criminalística do IGP.
A Patrulha Maria da Penha: a experiência de Pernambuco
Del. Lenise Valentim (PE) – graduada em direito, especialista em direito penal e processo penal. É gestora do Departamento de Policia da Mulher, membro do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher e coordenadora do G.T. Racismo e Homofobia da Polícia Civil de Pernambuco.
Mediadora: Raquel Arruda Gomes (RS) – bacharel em direito, especialista em direito do trabalho. É chefe de gabinete da segurança pública do RS.
15h30 Debate
16h Intervalo

4 de junho (quarta-feira)

8h30 Simpósio: Qualidade de vida no trabalho dos profissionais de segurança pública de Alagoas: a experiência de integração da Secretaria de Estado da Defesa Social
O processo de institucionalização da política de qualidade de vida no âmbito da SEDS/AL
1º QOE Ten. PM Edênia Moreira Santos (AL) – assistente social, gerente de articulação comunitária da SEDS/AL e membro da Comissão Integrada de Atenção à Saúde dos Profissionais de Segurança.
Ronda educativa: experiência de um projeto de qualidade de vida em expansão
Cap. QOES PM Larissa Paes de Omena (AL) – psicóloga do Centro de Assistência Social da Policia Militar de Alagoas.
Atenção integrada à saúde dos profissionais de segurança pública de Alagoas
Emerson de Barros Correia Moura (AL) – agente de polícia educador físico. É chefe de planejamento de ensino integrado da SEDS/AL e membro da Comissão Integrada de Atenção à Saúde dos Profissionais de Segurança.
Mediadora: Maj. Roberta Torres dos Santos (RJ) – policial militar, superintendente da valorização profissional da Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro.
10h Debate
10h30 Intervalo

15h15 Mesa-redonda: Promovendo saúde no serviço penitenciário: desafios e superações
SASS: Olhares, afetos e cuidado - uma perspectiva de escuta itinerante no RS
Rejane Maria von Muhlen Kunrath (RS) – psicóloga, especialista em psicossomática. É professora da Escola dos Serviços Penitenciários RS e coordenadora do SASS/RS.
A trajetória da saúde do servidor no sistema penitenciário paulista
Iracema Costa Jansson (SP) – assistente social, pós-graduanda em ciências da saúde, membro da Comissão de Assuntos de Assistência à Saúde do Departamento de Perícia do Estado de SP. É coordenadora substituta da Coordenadoria de Saúde do Sistema Penitenciário/SP.
Saúde biopsicossocial do trabalhador prisional no estado do Paraná
Renata Himovski Torres (PR) – nutricionista, é assessora de planejamento e projetos na área de saúde pública e trabalha na Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná.
Mediadora: Simone Maria Reginato (RS) – psicóloga, especialista em psicologia clínica e segurança pública. É coordenadora de projetos SSP/RS.
16h45 Debate

5 de junho (quinta-feira)

8h30 Painel: A Imagem do profissional da segurança pública: herói ou vítima?
Direitos humanos dos policiais militares: respeite e terás um herói, vilipendie e terás uma vítima
Cap. Lúcia Helena Salgueiro (PE) – graduada no curso de formação de oficiais da PM, graduanda em psicologia. É capitã da Polícia Militar de Pernambuco e coordenadora do G.T. de Enfrentamento ao Racismo da PM.
Atuação policial no campo de direitos humanos: polícia e bandido
Del. PC Francilene Lima Souza (RR) – graduada em direito, especialista em ciências criminais e pós-graduanda em inteligência estratégica.
Atividade de policia de choque no contexto das manifestações e distúrbios civis
Maj. Marcela dos Santos Reis (RJ) – psicóloga da Policia Militar do estado do Rio de Janeiro, chefia o Setor de Psicologia do Batalhão de Policia de Choque. É mestre em psicologia e docente do Departamento de Psicometria do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Mediadora: Ten. Cel. Vanísia de Sousa Santos Capaverde (RR) – Departamento de Ensino, Instrução e Operações - CBMRR.
10h Debate
10h30 Intervalo

A ISMA-BR reserva-se o direito de realizar mudanças no programa por razões técnicas.
Foto ilustrativa

Quando e onde

Quando: 03 a 05 de junho

Horário: 8h30 - 19h

Onde: Centro de Eventos Plaza São Rafael Porto Alegre, RS, Brasil

Carga horária: 24 horas


Mais informações

Copyright © ISMA-BR 2001
Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial.
ISMA-BR - International Stress Management Association no Brasil
CNPJ: 03.915.909/0001-68
Rua Padre Chagas, 185 conj. 1104
Moinhos de Vento
90570-080 Porto Alegre, RS
+55 51 3222-2441
stress@ismabrasil.com.br